segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Rotina de poder


Já estamos quase no fim do primeiro mês do ano e o que fizemos até aqui? A pergunta não é para mim, nem para você somente, mas para todos nós. Os dias passam depressa, principalmente quando vivemos no modo automático, já percebeu? Por isso, aqui em casa, resolvemos tirar um fim de semana inteiro para organizar a rotina. 

Ué! Mas rotina é "viver no automático", alguns dirão. Não exatamente né?! Com o planejamento de cada semana é possível ser mais produtivo e até criativo, deixando os dias mais gostosos de serem vividos. Então, lá vai a listinha de coisas básicas que planejamos; aquelas que devem ser feitas para garantir que tudo flua, inclusive a paz interior e a tão sonhada EuroTrip. =)

Os 5 quilos que teimam em permanecer no corpitcho da loira aqui vão sair dele ainda no primeiro semestre. Como? Não apenas parando de tomar açúcar com café (a ordem está certa. Acredite!), mas deixando as sobremesas e os pães de lado. Isso fez com que eu organizasse uma espécie de cardápio fixo. 

- Pô! Vai comer sempre a mesma coisa? 
- Calma! Não é bem assim.

Esse cardápio fixo significa que a ideia será sempre a mesma, mas mudando os ingredientes, claro. O café da manhã, por exemplo, será iogurte com granola (aquele feito em casa. Clica aqui pra dar um confere). O almoço, geralmente na rua por causa do trabalho, vai levar bastante proteína e vegetais. No lanche da tarde...Açaí NUVICA com granola. Amooooo! O jantar será torrada com mel e café com leite (sou viciada e ainda não consigo ficar totalmente sem isso) ou uma salada caprichada + uma proteína. Claro que como toda viciada em café, vai rolar uma ou duas canecas do pretinho básico nesse meio tempo aí, mas sem açúcar, sem adoçante, sem nadinha a não ser cafeína. 

Ok, mas não adianta fechar a boca. Então...POLE SPORT. Na Circus Fit (clica aqui para conhecer esse mundo mágico circense) treino duas horas por semana somente. Então, decidi chegar em casa todos os dias à noite (mais fresquinho) e treinar de 1h30 a 2 horas de pole. E essa minha decisão veio após assistir a dois vídeos do canal WeGon (vem ver também). Um deles mostrava uma mulher linda que começou no pole após os 40 de idade e transformou seu corpo (de cheinha para gostosona). A outra (fodástica) além de atleta de Pole Sport também trabalha fora como um ser humano comum. Genteeee! Se ela consegue treinar todos os dias por duas horinhas depois de um dia cansativo na firma, por que eu, você, nós não conseguiremos?!

A grande sacada para decidir organizar esse meu treino em casa foi admitir para mim mesma que eu NÃO ia sair para correr mais que uma vez por semana. Queria muito ter essa disposição, mas não tenho. E ser sincera comigo me fez criar uma rotina de exercícios mais real, que eu, de fato, farei. 

Outra grande mudança na rotina aqui de casa foi ACORDAR CEDO. Oi?! Calma! Isso não significa às 5 da madrugada. Despertador programado para às 7 horas permite me arrumar para o trampo diário na firma, mas antes passear por 20 minutinhos com minha doguinha Nina, que, sim, está precisando perder uns quilinhos. Ela se exercita e ainda ajuda a mamãe a fazer o mesmo. =) E o horário foi escolhido para não queimar as patinhas no asfalto quente. 

Estudos e momentos de relaxamento foram deixados para o fim de semana. Um pedal ou patins além de me proporcionarem bons momentos com amigos, ainda dão aquela força para ficar com pernão. Será? HAHAHAHAHA 

Claro que essa rotina criada só pôde ser possível porque agora moro bem mais perto do trabalho (antes eu levava mais de duas horas para chegar na empresa). Então, cada pessoa tem que criar a sua com base na própria realidade. Isso não significa que passar mais tempo no trânsito te impeça de fazer coisas legais. É preciso aproveitar o momento e criar oportunidades. Minha mãe, por exemplo, vive dizendo que não tem tempo para se exercitar. No entanto, tem uma sala de ginástica no prédio onde mora. Poderia usar o espaço, pelo menos, no fim de semana. Mas nem isso. Será que ela quer mesmo? Até acredito que sim, mas é preciso ter força de vontade para mudar a rotina que não está legal. E também não é só mudar; é preciso mantê-la. Por isso, digo que o mais importante é ser realista consigo próprio. Comer salada o dia inteiro vai te deixar magro, mas vai te fazer feliz? Se a resposta for não, opte por um prato assim em apenas uma refeição do dia. Uma hora de musculação vai ser sofrida? Então nem se matricule na academia. Procure uma atividade que te dê mais prazer (ou menos tédio, se for o caso de não gostar de nada).

E apesar do planner estar com todos os dias da semana preenchidos, ele não é engessado né? Porque tempo para namorar e curtir os amigos...ah! isso a gente sempre dá um jeito. ;)

Partiu criar uma Rotina de Poder também? Um, dois e...VALENDO!

Um comentário:

  1. Tenho que realmente fazer alguma coisa porque so trabalhar e cuidar de casa ta me deixando intediada

    ResponderExcluir