segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Aposentando a armadura

A semana começou e eu tenho certeza que você não está muito empolgada pra cozinhar, mas, assim como eu, quer comer algo gostoso e feito em casa. Então, vamos começar a segunda-feira falando sobre como se virar na cozinha.

Eu sou daquelas que MORRE de medo de fritura, mas ama um frango frito. Na hora da combinação óleo quente + comida eu pareço uma mulher de armadura: coloco avental, enrolo um pano de prato em cada braço, com a mão direita seguro uma espátula e na esquerda uma tampa de panela (quase como um escudo). Uma cena ridícula, confesso.

Mas para a alegria geral das mulheres com armadura perto do fogão inventaram o Assa Mais Leve. É tipo um papel manteiga, que acaba com o meu desespero na hora de fazer um drumet crocante. Ele vem em rolo e basta você cortar o papel do tamanho da frigideira ou da assadeira e dourar a comida em fogo baixo. Sem óleo, sem manteiga, sem desespero. Não é um daqueles saquinhos, não. É papel mesmo.

Ok. Nada é perfeito. Na embalagem não diz o tempo de cada alimento e também tem uma informação que não bate muito: diz que não precisa virar o alimento. Da primeira vez, eu não virei e queimou um pouco. Da segunda, eu fiquei virando e o resultado foi muito melhor. Vamos combinar aqui uma coisinha: esse papel é muito bom pra substituir o óleo (e somente). Então, antes de fazer aquele frango frito é bom cozinhá-lo antes, ou vai ficar cru por dentro e queimado por fora. Ele também não foi muito bom pra fazer peito de frango (tipo grelhado). Mas o resultado com a sobrecoxa foi delicioso.

No site oficial da Dover Assa Mais Leve mostra que dá pra fazer até bolo de cenoura com o papel. Então (isso não é um publieditorial), dá um confere clicando aqui e vê o que você acha.








Um comentário:

  1. Que legal! Eu não conhecia este papel, amei a sua dica... Vou comprar... Nada de frituras com óleo, lá em casa, a partir de agora.
    Obrigada, viu!
    Beijos.

    ResponderExcluir